segunda-feira, 24 de agosto de 2009

A era das pessoas congeladas

Tem gente que diz que sou legal. Tem gente que diz que o que faz de mim assim é meu lado maternal.
Que coisa mais infernal!
Tô é cansada.
Cansada de quem que me suga sem repor nada.
Cansada dessa doença socio-pata.
De não ter relação desiteressada.
Cansada dessa gente, de gente, da gente. Dessa sociedade des-vínculo-ada.
Agora é pau, pedra e puta!
O preto no branco e o brando no gueto.

sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Herói para vencer a mim mesma


Felicidade... Isso não tem definição. Alegria talvez, felicidade não.
Felicidade pode ser passageira, mas foi. Tristeza tem fim, felicidade, também, sim.
Mas pelo menos ela passa, limpando a aguaceira, o leite derramado em vão, o drama armado de coração.
E o quantum da vida não deixa na mão.
No momento de estar perto de cair, de novamente sentir o negro lado de si, ser seu próprio herói.
Me venci.
Graças só a mim.

terça-feira, 11 de agosto de 2009

Sim, claro!


Uma pequena controvérsia entre dois dos meus vários "EUs":

Será que você não tem vergonha de escrever esse sentimentalismo boçal e essas abobrinhas douradas que empolam seu discurso medíocre?